Na manha de quarta-feira (14-12) o Corpo de Bombeiros em Francisco Beltrão teve a grata satisfação de receber o Exmo. Prefeito Wilmar Reichembach, o Comandante do 21º Batalhão de Polícia Militar  e o Comandante do 16º Esquadrão de Cavalaria Mecanizada para uma singela formatura comemorativa dos 34 anos do Corpo de Bombeiros em Francisco Beltrão.

Nesta cerimônia, além do hasteamento de bandeiras e cântico do Hino de Francisco Beltrão e leitura do Boletim Especial Alusivo a data, foram entregues medalhas de Menção Honrosa, agradecimentos aos aposentados e premiação do Bombeiro Destaque do Mês.


ORDEM DO DIA
“Pisou, um dia, este solo brava gente, No anseio das conquistas de um lugar. O chão se fez caminho e o sol luzente, Do azul, fez esperanças emanar.”
Cladi C. A. Levandowski
No ano de 1977 Francisco Beltrão vivia um grande momento, marcado pelo empreendedorismo de boas pessoas que conheceram esta terra e decidiram criar suas raízes na promissora cidade. Estas pessoas, buscando maior qualidade de vida para suas famílias, batalharam junto aos órgãos Estaduais e Federais, logrando êxito em várias conquistas.
O então presidente da República Ernesto Geisel outorga a concessão pública e nasce a Radio Educadora, o Clube Santa Fé é fundado, o time de futsal Banestado/Francisco Beltrão era 3º Colocado no Campeonato Paranaense, uma união de cooperativas do sudoeste cria a Empresa Frimesa, uma pequena alfaiataria chamada Raffer iniciava suas atividades.
Ainda no primeiro ano da administração do Prefeito João Batista de Arruda. Foi autorizado pelo Governador Jayme Canet Junior uma unidade do Corpo de Bombeiros desmembrada do 2º Grupamento de Incêndios, com sede em Ponta Grossa.
Assim nasce o Corpo de Bombeiros no Município de Francisco Beltrão no dia 14 de Dezembro de 1977, sob a denominação de 2º Subgrupamento de Incêndio, teve como primeiro Comandante o Capitão ALMIR MOREIRA, sendo que àquela época estavam subordinadas a este subgrupamento as cidades de Foz do Iguaçu, Cascavel, Guarapuava e Salto Santiago.
Com o passar dos anos os rios do desenvolvimento fluíram por outras vertentes, havendo diversas modificações no estado e região, as instituições são dinâmicas e acabam por acompanhar estas vertentes. As unidades de bombeiro foram sendo implantadas em outros municípios pelo estado, sendo que nas últimas décadas, observou-se avanços relevantes nas instalações e equipamento utilizados pelo Corpo de Bombeiros, porém o quantitativo humano veio paulatinamente sofrendo uma pulverização e redução.
Ao final de 2010, através do Decreto Estadual n° 8481, foi criado o 3° Subgrupamento de Bombeiros Independente com sede em Francisco Beltrão. Tal criação, juntamente com a criação do 21º Batalhão de Polícia Militar devolve a merecida condição de polo regional também na segurança pública. O 3° SGBI atende uma área total de 27 municípios. Possui previsão para 3 Seções de Bombeiros, uma em Francisco Beltrão, uma em Dois Vizinhos e outra a ser implantada de acordo com o recompletamento das vagas, decorrentes desta reestruturação. Existem ainda 6 Postos de Bombeiros Comunitários, sediados nas cidades de Capanema, Realeza, Planalto, Santo Antonio do Sudoeste, Ampere e Salto do Lontra.
Pretendemos em 2012 formar a primeira escola de soldados bombeiros militares desta unidade, para buscarmos o recompletamento das vagas começando assim a reduzir esta defasagem no potencial humano.
Agora tal qual ocorria em 1977, Francisco Beltrão vem experimentado importantes conquistas, tais como a operacionalização do Hospital Regional, o Prolongamento da  Avenida Julio Assis, a consolidação da linha aérea, o Curso de Medicina da Unioeste, dentre outros. Nestas conquistas, sempre observa-se a sinergia das pessoas e entidades, tal qual no passado a histórica “BRAVA GENTE NOS ANSEIOS DAS CONQUISTAS DE UM LUGAR, ONDE O CHÃO SE FAZ CAMINHO E EMANA A ESPERANÇA”
É com grande satisfação e senso de responsabilidade que estes bombeiros em Beltrão tem buscado, cumprir com as missões constitucionais, diminuindo a burocracia e intensificando a qualidade nas respostas aos anseios da comunidade do Sudoeste.


MENÇÃO HONROSA
A Medalha de Menção Honrosa do Mérito Pessoal, instituída por Portaria do Comando Geral em agosto de 2000, destina-se a homenagear as praças da corporação que tiverem reconhecidos seus méritos pessoais, nesta avaliação dos méritos abrangerá os aspectos da vida profissional e social. Receberam   medalha de Menção Honrosa o Cabo Alecir Paulino Formaio, o Soldado Adelar Demarco e o Soldado Jales Danta Francescon.


AGRADECIMENTOS
Em agradecimento aos anos em que serviram ao Corpo de Bombeiros em Francisco, foi ofertada uma singela homenagem aos militares da reserva remunerada Subtenente João Valdir Marques Bello e o Soldado Jandir Fabris. Foi ainda entregue uma carta de Recomendação ao Estagiário Gian Carlos Batezini.
Fonte: Corpo de Bombeiros - 3º SGBI