Depois de viver um ano sem registro de homicídios, a população de Coronel Vivida volta a conviver com o problema. A tranqüilidade no município foi interrompida nesta quinta-feira (01/12), por volta das 18 horas, quando um homem foi morto com um tiro na cabeça.

O crime aconteceu na marginal da BR 158, comunidade de Alto Pinhal. A vítima foi Fernandes de Souza, 30 anos, conhecida como Bracinho. Segundo informações o disparo foi efetuado por um homem que chegou em um moto preta e logo após fugiu adentrando por uma lavoura. A vítima havia retornado de Curitiba há cerca de 30 dias.
Fernandes cumpria pena por homicídio, fato registrado há 05 anos durante um baile na comunidade de Linha Caçador, interior de Coronel Vivida. Policiais Civis e Militares estiveram no local e coletaram informações que podem auxiliar na identificação da autoria do crime. O corpo foi encaminhado ao IML de Pato Branco
fonte: (http://www.diariodainformacao.com.br)