O governador do Paraná chegou em Marechal Cândido Rondon às 11h desta quarta-feira (25/07) acompanhado pelo secretário de segurança do estado e autoridades. Ele inaugurou a sede do 1º Batalhão Militar de Fronteira do Brasil.

"Atendendo os pleitos dos moradores dessa importante região do estado do Paraná, uma das maiores reivindicações é justamente em relação a segurança pública, que é uma das maiores reivindicações de todo paranaense em especial dessa região, até pela razão de estarmos aqui na região da fronteira internacional, precisando inclusive da maior presença do governo federal, porque é competência do governo cuidar das suas fronteiras internacionais, então este é um agravante e diante deste cenário nós temos tido a sensibilidade necessária de entender a realidade específica do oeste", esclarece o governador.
O objetivo do novo batalhão é combater o contrabando e tráfico de armas e drogas na fronteira do Paraná com a Argentina e o Paraguai.
Estiveram presentes no evento representantes das forças policiais. Para o delegado da Polícia Federal de Guaíra, o batalhão é mais uma força no combate aos crimes na fronteira do país.
"A Polícia Federal sempre trabalha em conjunto com as outras forças a Polícia Militar, Polícia Civil, Receita, então a criação desse batalhão pra nós é de fundamental importância", explica o delegado da Polícia Federal, Ricardo Cubas Cesar.
Inaugurado o batalhão, policiais e viaturas estão prontos para agir na operação fronteira que inicia hoje, e para isso cerca de 60 deles já estão em Marechal Cândido Rondon.
fonte: (http://www.diariodainformacao.com.br)