O fim do namoro teria motivado o crime.Uma mulher de 37 anos foi morta na noite desta terça-feira (12), em Realeza. O crime ocorreu na Rua Mauá, Bairro São José, na casa da própria vítima. Irone Aparecida Ribas foi atingida por disparos de arma de fogo. O acusado pelo crime é seu ex-namorado Edivaldo Mattos.

Um cunhado que mora com Edivaldo contou que ele saiu de casa por volta das 20h30 e retornou às 23 horas quando pediu para que o mesmo levasse uma moto ao proprietário, pois tinha comprado e não poderia pagar. Ao se aproximar do CTG, em Realeza, parou o carro e pediu que o cunhado deixasse a moto e embarcasse quando contou que tinha matado a ex-namorada. Em seguida fugiu com um Escort não sendo encontrado até o momento.
Irone foi encontrada somente na madrugada desta quarta-feira (13). O corpo estava sobre um sofá na sala e foi encaminhado ao IML de Francisco Beltrão, após perícia da Criminalística. A moto que o acusado pelo crime queria devolver possui, segundo a polícia, registro de furto.
fonte: (http://www.noticiaspoliciais.com.br)