Foi publicado na coluna Radar On Line, da Veja, assinada pelo jornalista Lauro Jardim, que Ronaldo Fenômeno é um fenômeno na hora de encher os bolsos de dinheiro. O ex-craque, empresário, comentarista viu na Copa das Confederações um outro jeito de ganhar dim dim.

Ele alugou sua cobertura no Leblon para o secretario-geral da Fifa,  Jérôme Valcke, pela bagatela de R$ 150 mil durante o período que durar o torneio.  Segundo Jardim, Valcke e sua família está hospedada no imóvel.A coluna ironiza: “Valcke confirma, assim, o que disse ontem na entrevista coletiva que concedeu (‘A Fifa não está aqui só para encher os bolsos e sair do país’). Ele está deixando algum aqui. Nem que seja algum para o Fenômeno”.
É Ronaldo, agora entendemos porque você declarou sua preferência por estádios a hospitais!