Este bebê que celebrou nesta semana seu primeiro ano de vida nasceu com o comprimento de uma caneta esferográfica. De tão pequena, Annabel Hateley, já tinha um destino certo na cabeça dos médicos: sérias deficiências ou até mesmo a morte antes dos primeiros meses de vida.
Mas a garotinha desafiou os médicos e mostrou que é muito forte.Annabel pesava menos de 200 gramas quando ela foi entregue 12 semanas no início de julho do ano passado.A mãe, Rachael Hately, 40 anos, disse que os médicos a alertaram que se  em seu exame de 20 semanas Annabel não alcançasse um quilo  de peso, ela teria que fazer um aborto. Rachael disse:
“Eu perguntei ao consultor se havia algo que eu poderia fazer e ele disse que não havia”. O fato é que a menina nasceu, recebeu cuidados médicos intensivos e muito carinho e hoje está bem. “Nós queremos dizer um grande obrigado a todos que nos ajudaram no hospital. Durante todo o processo os funcionários foram simplesmente fantásticos”, afirmou Rachael ao jornal Daily Mail.
Para comemorar,  Annabel vai ganhar da família uma festa de aniversário especial.

                         Clique para ampliar a imagem