Pesquisa americana concluiu o que todo mundo maios ou menos já sabe. Não fumar, não engordar, adotar a dieta do Mediterrâneo e praticar exercícios físicos com frequência são atitudes que, somadas, diminuem em até 80% as chances de morte em um período de oito anos.

O estudo é da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, foi publicados nesta segunda-feira no periódico American Journal of Epidemiology. Participaram dos estudos 6.229 homens, entre 44 e 84 anos que não apresentavam doenças cardíacas e que foram acompanhados por quase oito anos.
A equipe deu uma pontuação de 0 a 4 ao estilo de vida de cada participante, considerando os quatro hábitos citados acima. Quem não seguia nenhum deles recebeu zero. Os que seguiam só um hábito, tiveram um ponto, e assim por diante. Apenas 2% dos participantes receberam a pontuação máxima.
A conclusão final: o risco de um voluntário que tinha a pontuação máxima morrer por qualquer causa durante o período do estudo foi 80% menor do que o risco daqueles com a pontuação mínima.