Luiz Carlos Leão Duarte Junior, ex-baixista da banda Charlie Brown Jr. conhecido como Champignon, foi encontrado morto no apartamento onde morava, na Zona Oeste de São Paulo, na madrugada desta segunda-feira (9).
De acordo com informações da Folha de S. Paulo, vizinhos do músico, que tinha 35 anos, chamaram a polícia ao ouvirem barulho de disparos de arma de fogo vindo do imóvel de Champignon. A mulher do baixista, que estava no apartamento com o marido, foi hospitalizada em estado de choque.
Ainda segundo a Folha, a polícia de São Paulo ainda divulgou informações sobre as circunstâncias da morte do artista. O corpo de Champignon foi encontrado por médicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) no escritório do apartamento com um tiro na boca. O ex-baixista da Charlie Brown Jr. havia criado a banda A Banca após a morte do cantor Chorão, em março deste ano. Alexandre Magno Abrão, o Chorão, foi vítima de uma overdose de cocaína dentro do apartamento onde residia.
Os depoimentos da ex-mulher do vocalista e dos integrantes do Charlie Brown Jr. confirmaram que o cantor fazia uso de entorpecentes. Em seu depoimento ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa de São Paulo, a estilista Graziela Gonçalves havia dito que “perdeu” o marido ”para as drogas”.
 A morte de Champignon ainda não foi esclarecida pela polícia, mas a suspeita é de suicídio.