O Paraná foi o estado com maior número de mortes em rodovias federais no Carnaval de 2014, segundo relatório da Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgado nesta quinta-feira (6).
Foram 25 vítimas fatais entre sexta-feira (28) e a quarta-feira de Cinzas (5). A explicação para o alto número, segundo a PRF, foi a chuva, que caiu forte no estado principalmente no fim do feriado.

Nacionalmente, nos 70 mil quilômetros de rodovias federais, 3.201 acidentes, 1.823 feridos e 155 mortes foram contabilizadas. Entre as principais causas de acidentes apontados pela PRF no período estão embriaguez ao volante, ultrapassagem proibida e excesso de velocidade. As colisões frontais lideram o ranking de mortes, com 43% dos casos, em 61 acidentes. Em segundo lugar estão os atropelamentos (22 acidentes), colisões transversais (15 acidentes) e saídas de pista (14 ocorrências).

Em todo o país, 406 pessoas foram presas por dirigirem embriagadas. O estado com maior número de autuações por esse motivo foi o Rio Grande do Sul, com 213 casos e 27 prisões. O estado com maior número de prisões por embriaguez ao volante foi Mato Grosso, com 42 casos em meio a 80 autuações.
fonte: (http://www.laercioandre.com.br/)